Rio de Janeiro I Espetáculos em destaque

 

Baseada no best-seller da escritora argentina Daniela Di Segni, a peça "Procuro o Homem da Minha Vida, Marido Já Tive!" fala sobre os encontros e, principalmente, desencontros amorosos de mulheres que já passaram por, ao menos, um casamento. O livro vendeu mais de 200 mil cópias em todo o mundo e foi adaptado para teatro na Argentina, Chile, Uruguai, México, Portugal, EUA, Porto Rico, República Dominicana sempre com grande êxito. A versão brasileira é assinada por Claudia Valli, que trouxe as questões do livro atualizadas aos dias de hoje, pois as mulheres mudaram muito… e para melhor! A história se desdobra a partir de um divertido papo, regado a muito vinho, entre três amigas que refletem sobre suas vidas, indo do sonho com a entidade “homem ideal” à descoberta do prazer de encontrar a si mesmas. O relato ágil e divertido, cheio de sacadas hilariantes e observações contemporâneas mostra o que acontece depois de um divórcio. Dramaturgia: Claudia Valli. Da obra de: Daniela Di Segni. Direção: Eduardo Figueiredo. Elenco: Grace Gianoukas, Leona Cavalli, Totia Meireles e Mauricio Machado.

Teatro das Artes  à Rua Marquês de São Vicente, 52 - Gávea. Sextas, sábados às 21h e domingo, 20h. Ingressos: Sexta R$ 90 I Sábado R$ 100,00 I  Domingo R$ 80. (valor da Inteira). 12 anos. De 1º de abril a 22 de maio.

 
 
A Vida não é justa   Conserto para Dois, O Musical
 
     

Sucesso de público em abril no  Sesc Copacabana a peça volta aos palcos, dessa vez no Sesc da Tijuca. Mais de dezoito mil audiências e uma sentença: a vida não é justa! A justiça será acionada como tema central do espetáculo, com a função de solucionar conflitos, mas também de lembrar que “a felicidade não é um direito, muito menos uma obrigação. Compreender nossa humanidade nos faz mais responsáveis pelo nosso destino”, nas palavras da autora Andréa Pachá. Nesta encenação teatral, propõe-se um jogo no qual os atores e os personagens se revezam, ora na tarefa de vítima, ora na função de acusado, trazendo para a reflexão temas como diversidade, igualdade, justiça, respeito, tolerância e conflitos relacionais. Ao longo do espetáculo, quase todos os atores estão no palco durante todo o tempo, seja em cena com a juíza, ou fora de foco, onde acontecem as trocas, no próprio palco. “Os atores usam uma roupa neutra base e ao longo da peça adereços vão se sobrepondo ao figurino, de acordo com  cada personagem Dramaturgia: Delson Antunes. Direção: Tonico Pereira. Elenco: Léa Garcia, Emiliano Queiroz, -Duda Barata, -Lorena da Silva, -Marta Paret, -Bruno Quixotte e Daniel Dias da Silva.

 

“‘Conserto para Dois, O Musical’ é um espetáculo que foi pensado para turnê. O cenário foi desenvolvido para que pudesse ser transportado e montado com facilidade em vários palcos. Por causa da pandemia, tivemos que adiar a turnê por dois anos, mas finalmente voltamos a rodar o país com ele e já passamos por várias cidades até atracar este mês no Rio de Janeiro”, explica Claudia Raia, que estrela e produz o espetáculo. Pela primeira vez, Jarbas Homem de Mello dirige sua esposa Claudia em cena: “Ela é uma atriz que gosta de ser dirigida, que gosta da troca que essa dinâmica entre ator e diretor propõe. Então, o trabalho sempre fluiu de uma maneira muito boa. Acho que isso se traduz no palco, no encantamento que o público sente ao assistir ao espetáculo. A peça conta a história de amor, encontros e desencontros entre o famoso escritor Ângelo Rinaldi (Jarbas) e a atriz internacional Luna de Palma (Claudia). Separados, os dois embarcam em um cruzeiro para esquecerem a desilusão amorosa. Eles só não contavam embarcar no mesmo navio, Sinfonia dos Mares, rumo a Antártida. É nesse cenário que se desenrola toda história, criada por Anna Toledo (que escreveu o texo) a convite de Claudia e Jarbas. Saiba mais

Teatro Sesc Tijuca   - Rua  Barão de Mesquita, 539 – Tijuca. De 5ª a sábado às 20h30, domingo às 19h30. Ingressos: R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia). Duração: 60 minutos. 14 anos. Temporada: 12 a 29 de maio.

 

Teatro Multiplan - Shopping VillageMall - Av. das Américas, 3900 - Barra. Sextas e sábado às 20h e  domingo às 19h. Classificação: Livre. Ingressos entre R$ 37,50 e R$ 180,00. Somente de 20 a 29 de maio.


Rio de Janeiro I Nos palcos

 

Misery - Louca Obsessão
 

O romance Misery - Louca Obsessão, escrito nos anos 1980 pelo célebre autor norte-americano Stephen King, foi levado às telas pelo diretor por William Goldman e agora ganha versão teatral traduzida e adaptada por Claudia Souto e Wendell Bendelack.  A peça fez grande sucesso em São Paulo e conta a história de Paul Sheldon, um famoso escritor reconhecido pela série de best-sellers protagonizados pela personagem Misery Chastain. Após sofrer um grave acidente de carro, Paul é resgatado pela enfermeira Annie Wilkes. A simpática senhorita é uma leitora voraz das obras de Paul Sheldon e se autointitula sua principal fã, sendo totalmente obcecada pelo escritor. A montagem teatral tem direção de Eric Lenate e traz no elenco Mel Lisboa, Marcello Airoldi e Alexandre Galindo. Não perca!

Teatro Firjan SESI - Avenida Graça Aranha, 1 - Centro. Sextas às 19h. Sábados e  domingos às 18h. Ingressos: R$ 40,00 (inteira) e R$ 20,00 (meia). Classificação: 14 anos. Duração: 140min. Até 5 de Junho.

 
Homens no Divã
 

Pela primeira vez no Rio e comemorando nove anos em cartaz, a comédia mais bem falada de São Paulo chega ao Rio! O encontro inesperado de três homens na antessala do consultório da psicóloga Dra. Maczka (voz de Marília Gabriela) é o ponto de partida para mudanças radicais na vida de cada um deles. Para não perder os homens amados, suas respectivas esposas exigem que eles busquem apoio terapêutico, e é assim que os três acabam se encontrando em pleno consultório freudiano. A amizade, no início desconfiada pelo inusitado do encontro, vai se fortalecendo a cada sessão, entre conversas e situações pertinentes ao ‘homem-comum’. Texto: Miriam Palma (título original Desesperados). Direção Darson Ribeiro. Com Guilherme Chelucci, Ken Kadow e Darson Ribeiro

Teatro das Artes - Rua Marquês de São Vicente, 52 (Shopping da Gávea). 6ª e sábado às 20h; domingo às 19h. Ingressos: R$ 80,00 (inteira e: R$ 40,00 (meia). Classificação: 12 anos. 90min. Estreia dia 3 de junho.

 
Legalmente Loira, o musical
 

A escola In Cena Casa de Artes e Produções anuncia a montagem no Brasil do musical da Broadway  “Legalmente Loira”, realizado em curso de Prática de Montagem Acadêmica. O espetáculo tem direção e coreografia de Victor Maia, uma referência em teatro musical. A loira Elle Woods parece ter tudo. Mas sua vida vira de cabeça-para-baixo quando seu namorado Warner a deixa para estudar Direito na Univesidade de Harvard. Determinada a tê-lo de volta, Elle engenhosamente trilha seu caminho para a prestigiosa faculdade e enquanto está lá, luta com colegas, professores e seu ex. com apoio de alguns novos amigos, Elle rapidamente percebe seu potencial e se propõe a provar-se para o mundo. Com a consagrada atriz Helga Nemetik, (convidada) ao lado de outros 17 atores.

Teatro Fashion Mall - Estrada da Gávea, 899, 2º píso do Shopping. Sábados e  domingos às 19 horas. Ingressos: R$ 80,00 (inteira) e R$ 40,00 (meia). Classificação: Livre.. Duração: 90min. Até 29 de maio..


A Vida Passou Por Aqui
 

Indicada aos prêmios APTR, Cesgranrio e Botequim Cultural nas categorias Melhor Texto e Melhor Atriz, vencedora do Prêmio APTR melhor Texto 2017, a peça lança um olhar otimista sobre o envelhecimento e as angústias da vida e da passagem do tempo. Conta a história de uma profunda amizade entre uma mulher (Claudia Mauro) e um homem (Édio Nunes) de mundos diferentes – uma professora e artista plástica que viveu às voltas com as crises em seu casamento e um enorme sentimento de solidão, e um faxineiro de hábitos simples, inteligente por natureza, que sempre levou sua vida com leveza e bom humor. Em cena os atores passeiam por cinco décadas – dos anos 1970 até os dias de hoje, e por todas as mudanças em suas vidas. Texto e direção: Claudia Mauro.

Teatro PetraGold  - Rua Conde de Bernadotte, 26 - Leblon. Todas as 5ª feiras às 20 horas. Ingressos: R$ 70,00 (inteira) e R$ 35,00 (meia). Classificação: 14 anos. Duração: 70min. Até 26 de maio.

 
Intimidade Indecente
 

Depois de dois meses e meio de sucesso em Portugal, sendo visto por 22.000 espectadores em seis cidades, o espetáculo chega ao Rio no dia 07 de abril, para temporada no Teatro dos 4. Mariano (Marcos Caruso) e Roberta (Eliane Giardini) formam um casal sessentão desgastado pela mesmice da rotina. O desejo esfriou, o sexo falta e a implicância mútua sobra. Ávidos por novas experiências, entendem que não há mais porque ficar juntos.  Acontece que, como num efeito bumerangue, a vida insiste em devolver um ao outro. E é nessas idas e vindas que, aos poucos, os dois descobrem-se os maiores cúmplices. O sentimento, ainda vivo e sólido, faz com que se entendam mais do que com qualquer outra pessoa de fora. Texto: Leilah Assumpção. Direção: Guilherme Leme Garcia

Teatro dos 4 - Rua Marquês de São Vicente, 52 (Shopping da Gávea). 5ª a sábado às 21h; domingo às 19h. Ingressos (inteira): R$ 90 (qui)) e R$ 100 demais dias. Classificação: 12 anos. Até 29 de maio.

 
Bye Bye Bangú
 

A divertida comédia “Bye Bye Bangú”, que está de volta ao Rio, a famosa Drag Quen Suzy Brasil,  personagem muito conhecida do público, dá vida à Consuelo, uma mulher aposentada que resolve propor para três amigas refazerem uma viagem que tinham feito há 25 anos, quando as três ainda eram jovens e cheias de sonhos. Enquanto espera as amigas no aeroporto, Consuelo lembra com muito humor as histórias que viveram juntas e as brigas que tiveram. Uma história que vai garantir boas risadas do público  num momento em que estamos precisando muito nos divertir. A idéia do espetáculo nasceu da vontade do produtor Claudio Tizo de trabalhar com essa grande artista, que possui um público cativo e também milhares de seguidores na internet. Texto e direção de Diogo Camargos.

Teatro Candido Mendes - Rua  Joana Angélica, 63 -  Ipanema. Sextas,  sábados e domingos às 20 horas . Ingressos 80,00 e R$ 40,00 (meia). Classificação: 14 anos. Duração: 70min. De 06 a 29 de maio.


Pai Ilegal
 

Em um futuro próximo, todo homem precisa fazer uma série de provas para se tornar pai. O processo não é simples. A vontade de ter um filho vai esbarrar na falta de preparo, na insegurança e até no machismo estrutural ainda presente na sociedade, que insiste em delegar para a mãe a maioria dos cuidados com o bebê. Quem insistir em ser pai sem cumprir todas as tarefas e ganhar seu certificado poderá ser detido e até preso. Dirigida por Henrique Tavares, a comédia escrita por Ulisses Mattos é a segunda parte de uma trilogia teatral sobre paternidade, idealizada pelo ator Pedro Monteiro, iniciada com o drama “Pão e Circo” (2021) e se encerra em 2023 com o musical infantil “Meus dois pais”. Com Pedro Monteiro (Gabriel), Juliana Guimarães (Ísis) e Gabriela Estevão (agente T).

Teatro Dulcina  - Rua Alcindo Guanabara, 17 - Centro - Leblon. 5ª e 6, às 19h, sáb. e dom., às 18h. Ingressos: R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia) Classificação: 10 anos. Duração: 70min. De 5 a 29 de maio.

 
Que mundo deixaremos para Keith?
 

Com título inspirado na lendária longevidade do guitarrista Keith Richards, dos Rolling Stones, a peça indaga sobre o futuro que estamos construindo. Dois homens transitam entre os escombros de uma velha escola e as memórias reconstroem a história dos personagens, levando-os a se perguntar se a escola como a conheceram está desabando por fora ou por dentro.  O espetáculo faz uma urgente reflexão sobre a Educação e a Cultura neste país. Num jogo contínuo de troca de papéis, eles são ora aluno e professor, ora criança e adulto, buscando resgatar o passado para compreender o presente e se projetar ao futuro. Dramaturgia: Leonardo Corajo, Eduardo Nunes e Sergio Medeiros. Direção: Denise Stutz  Com Sergio Medeiros e Leonardo Corajo.

Sesc Copacabana  (mezanino) - Rua Domingos Ferreira, 160, Copacabana. De 5ª a domingo às 20h.  Ingressos:  R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia). Classificação: 12 anos. Dur: 60min. De 19 de maio a 12 de junho.

 
Os Homens Querem Casar... 2
 

Assistida ao longo de 14 anos por 2,5 milhões de pessoas em 150 cidades do Brasil, além de Nova York, Miami e Boston, a peça "Os Homens Querem Casar e As Mulheres Querem Sexo" ganhou continuação e vem repetindo o mesmo sucesso. Se na primeira versão Jonas (Carlo Simões) entra em crise após ser abandonado no altar pela terceira vez e se desespera por constatar que é apenas usado sexualmente pelas moças independentes, agora na segunda parte, duas revelações mudam sua vida. Ele encontra Deus (Camila Santanioni) e descobre que, além de mulher, o Divino é cearense do jeito que sempre sonhou. É quando Deus propõe a Jonas passar a sentir tudo que as mulheres sentem para entender, enfim, a visão feminina sobre o universo masculino.

Teatro Fashion Mall  - Shopping Fashion Mall, 2º piso -  São Conrado. Todos os sábados às 19h30. Ingressos: R$ 70,00 (inteira) e R$ 35,00 (meia). Classificação: 14 anos. Duração: 70min. Até 28 de maio.


Cuidado quando for falar de mim
 

O espetáculo encontra o ficcional em alguns pontos e traz o cotidiano como forma de aproximação, criando pontes de identificação. Em cena, as trajetórias dos personagens têm em comum o HIV. Ao passo que a ciência muito avançou em relação ao vírus, o estigma e o preconceito em quase nada avançaram. Porque é possível dizer sem rodeios que se é diabético ou hipertenso e não se fala do mesmo modo sobre o HIV, se todos têm a mesma classificação técnica de doença controlada? O HIV é um vírus social, ainda carregado de estigmas e repleto de fantasmas do passado. Direção Artística e Idealização do Projeto: Ricardo Santos. Elenco: Higor Campagnaro, Juracy de Oliveira, Laura Araújo, Maurício Lima, Nina da Costa Reis, Taye Couto e Whiverson Reis.

Sede das Cia. dos Atores - Rua Manuel Carneiro, 12 - Lapa (Escadaria Selarón). sexta e sábado, às 20h e domingo, às 19h. Ingressos: R$ 20,00. Classificação: 16 anos. Duração: 70min. De 06 a 29 de maio.

 
Jacy
 

O Grupo Carmin comemora seus 15 anos com “Jacy”, que já passou por 21 estados brasileiros e sempre cativa o público com a história real de uma mulher de noventa anos cujos pertences foram encontrados pelo ator, diretor e dramaturgo da peça, Henrique Fontes, dentro de uma frasqueira, abandonada no lixo. Em uma hora, o público acompanha a vida extraordinária de uma mulher aparentemente comum, que nasceu em um engenho de cana-de-açúcar em Ceará-Mirim, atravessou a 2ª Guerra mundial, quando viveu um amor estrangeiro em Natal; foi testemunha da ditadura civil-militar no Brasil, morando no Rio de Janeiro e terminou seus dias sozinha em Natal. Os textos são dos filósofos Pablo Capistrano e Iracema Macedo, com dramaturgia de Henrique Fontes e Pablo Capistrano.

Teatro Firjan SESI - Avenida Graça Aranha, 1 - Centro. Sextas às 19h. Segundas e terças às 19h. Ingressos: R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia). Classificação: 14 anos. Dur: 70min. Até 24 de maio.

 
O Prazer é todo nosso
 

Narrado com ironia e sinceridade, a peça mostra uma mulher sozinha em cena contando, com naturalidade e humor, suas experiências sexuais. São confissões pessoais intercaladas com experiências de outras mulheres, relacionando com as conquistas da liberdade e emancipação feminina. Casada por 19 anos, dos 20 aos 39 anos, Juliana conta que depois que se separou, buscou viver intensamente sua liberdade sexual. - Entre namoros e solteirices conheci muitos homens, me diverti e me apaixonei por quase todos eles, nem que fosse por apenas um dia. Ou por uma noite. E eu contava as peripécias para os amigos, que além de se divertirem, se surpreendiam tanto quanto eu com essa minha nova liberdade. Com Juliana Martins, e direção: Bel Kutner. Texto: Beto Brown.

Teatro Miguel Falabella - Avenida Dom Helder Camara, 5332 - Norteshopping. Somente dias 27, 28 e 29/05 (sexta, sábado e domingo) às 20h. Ingressos (inteira):  R$ 60,00 (sexta) e  R$ 80,00 (sáb/dom)  14 anos.  70min.


Rio de Janeiro I Mais teatro para você!  
A Diretora é uma Comédia   Stand Up da Casa   Stand Up Comedy   Cora do Rio Vermelho
     

Margareth Pinto é uma diretora meio maluca que  tenta controlar a vida dos professores  dentro e fora da escola. Ao voltar das suas férias, ela convoca todos para uma reunião a fim de corrigir muitas coisas na sua unidade escolar. Até 29/5. Saiba mais

 

A Casa da Comédia Carioca, sala anexa ao Teatro Cândido Mendes em Ipanema, recebe os humoristas Pedro Benevides, Matheus MAD e Cézar Maracujá. Para quem gosta de dar boas risadas, chegou o momento! Dia 27/5 às 20h. Saiba mais

 

Daniel Lopes e Kwesny são dois comediantes cariocas que explodiram durante a quarentena nas redes sociais e que agora se juntaram para fazer um espetáculo de Stand Up Comedy sobre o cotiano dos cariocas e brasileiros. Dia 03/6. Saiba mais

 

Com direção de Isaac Bernat e atuação de Raquel Penner, o espetáculo  estreia dia 12 de maio no Teatro Poeirinha, em Botafogo. O monólogo  reúne passagens da vida e da obra da poeta, contista e doceira Cora Coralina. Saiba mais


Showguide Mix I O que você quer ver no Rio de Janeiro?

Drama

 

Comédia

 

Comédia

 

Musical

      Saiba mais
 

OS ESPETÁCULOS ESTÃO DE VOLTA E O SHOWGUIDE ESTÁ JUNTO COM VOCÊ. VÁ AO TEATRO!

Este site é melhor visualizado na resolução padrão de 1366 x 768 pixels.
Showguide
 ® 2001-2022. Todos os direitos reservados